segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Natal em familia

todas as sogras da festa rsrs
eu e irmã querida


bruxa sendo bruxa










Ilma mais pra lá que pra cá





euuu






os presentes do pequeno principe








mama e marcos








maridooooo



Principe encantado, amandita e a jane







mesa sendo devorada






euzinha e amandita







eu, mama , jane e principe encantado















Ilma e Debora, mais conhecida como bruxa












uma das partes dos presentes







unico arranjo da mesa, esqueci de levar rsrs, acabei tendo que fazer lá na hora








mais presentinhos







e mais





Natal tempo de reconciliação e paz, será?



será que vale a pena se desgastar, sofrer denovo, começar novamente? acho que não, só o tempo pode dizer, eu nao mexo mais uma palha para manter a amizade e até mesmo um convivio com pessoas que nao merecem. Há pessoas que nao se preocupam com mais nada além de fazer o mal, de prejudicar, de humilhar e sinceramente como alguém ja me disse uma vez: VC NAO PRECISA DE PESSOAS ASSIM NA SUA VIDA e isso eu peguei pra mim, não preciso de pessoas sem noção, sem qualidade, sem carater, não preciso de pessoas com rancor, com odio no coração, sem razão para maltratar tanto as pessoas. Talvez estou falando demais, talvez estou fora do clima de natal, mais na verdade me considero alguém que nao tem tempo, porque ser feliz me consome muito. Aprendi a ser feliz e quer saber? GOSTEI POR DEMAIS, agora não quero mais nada que levar essa linda vida de conquistas e vitórias ao lado de pessoas que me amam de verdade, que me vê como irmã, que me ver como ser humano. E pra todAS aquelas que torcem ao contrario e que foram citadas entre linhas, meus sinceros pêsames, porque vcs irão continuar a sofrer com as vitórias e conquistas que virão, porque EU CREIO e uma vez Jesus me disse: CHEGOU SUA HORA e foi o que vem acontecendo desde então. Hoje eu falo e repito: Chegou a minha hora e viver com vitórias é bom demais.

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Férias em Ilha Bela nao tem preço

Marina-Ilha Bela

aiai, vista da balsa, kd a ilha?










Serviço de praia nao tem preço

Vista do restaurante






Marido como sempre adora um click














Vista do restaurante, o vida difícil...










Calderada hummmm, chega borbulhando






domingo, 13 de dezembro de 2009

Algumas foforices aqui de casa





Galinha com ovos vela, ja ensinei a fazer em post anterior, só pra enfeitar a bancada, logo logo nem estará mais aí. Ah, e a mini samambaia

Adoro almofadas e de chita então...
















Mais alegria em um quarto toooodo branco
































As mais novas almofadas de chita, uma graça











Mais um vasinho de folhas secas e velinha branca









Arranjo de flores artificiais, para deixar a cozinha mais alegre



























Caixinha de remédios, com fadinha verde, nunca tinha pintado vermelho com amarelo, até que gostei































Vela: pote de conserva com folhas secas e uma pequena velinha pra dar o charme.



terça-feira, 8 de dezembro de 2009

ADOTE UMA CRIANÇA


Existem milhares de crianças órfãs ou até mesmo abandonas em orfanatos em todos os cantos do planeta. Se você tem essa possibilidade ADOTE.
Quem pode adotar

Adultos com mais de 21 anos, A LEI MUDOU PARA 18, independentemente do estado civil, pode ser solteiro, casado, divorciado, ou viver em concubinato. Na hipótese de ser casado ou viver em uma relação de concubinato, a adoção deve ser solicitada por ambos, que participarão juntos de todas as etapas do processo adotivo. Será feita avaliação de estabilidade da união.



Qualquer pessoa que seja pelo menos 16 anos mais velha que a criança a quem pretende adotar. A Justiça não prevê adoção por homossexuais. Neste caso, a autorização fica a critério do juiz responsável pelo processo.





Quem não pode adotar
Menores de 18 anos. Os avós ou irmãos da criança pretendida. Nesse caso, cabe um pedido de guarda ou tutela, que deverá ser ajuizado na Vara de Família da cidade onde residem. O tutor não pode adotar tutelado.





Quem pode ser adotado
Crianças e adolescentes com até 18 anos a partir da data do pedido de adoção, órfãos de pais falecidos ou desconhecidos. Crianças e adolescentes cujos pais tenham perdido o pátrio poder ou concordarem com a adoção de seu filho.



Maiores de 18 anos também podem ser adotados. De acordo com o novo Código Civil, a adoção depende de sentença de juiz.



Crianças e adolescentes com 16 anos a menos que o adotante.



Só podem ser colocados para adoção as crianças e adolescentes que já tiveram todos os recursos esgotados no sentido de mantê-los no convívio com a família de origem.




Documentação necessária


RG e comprovante de residência;
Cópia autenticada da certidão de casamento ou nascimento;
Carteira de Identidade e CPF dos requerentes;
Cópia do comprovante de renda mensal;
Atestado de sanidade física e mental;
Atestado de idoneidade moral assinado por duas testemunhas, com firma reconhecida;
Atestado de antecedentes criminais.





O caminho da adoção

Segundo Benedito Rodrigues dos Santos, secretário-executivo do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda), o processo de adoção não é padronizado no país. "No primeiro momento, os interessados procuram a Vara da Infância e da Juventude mais perto de casa. Em seguida, eles passam por uma entrevista. O terceiro passo é a apresentação dos documentos necessários."



Santos disse ainda que depois de analisada a documentação, os interessados passam por uma nova entrevista. "Desta vez, um assistente social vai até a casa do adotante para conhecer melhor a rotina dele. Depois disso, é iniciado o processo de escolha da criança. Feito isso, se for o caso, é dada a guarda temporária da criança para o adotante. Esse é o período de experiência e de avaliação."



De acordo com o secretário-executivo do Conanda, se o adotante for aprovado, é 'iniciado' o processo na Justiça. "É quando o procedimento começa efetivamente. Tudo se encerra com a sentença do juiz aprovando ou não a adoção", disse Santos.

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Se hoje é sexta, vamos ficar lindas


Que tal dar aquele trato? tirar todo o estresse na semana e o melhor de tudo sertir-se linda, o maridao adora, toda mulher precisa se sentir desejada, precisa despertar o melhor de sí, porque...

Ser mulher...
É viver mil vezes em apenas uma vida.
É lutar por causas perdidas e
sempre sair vencedora.
É estar antes do ontem e depois do amanhã.
É desconhecer a palavra recompensa
apesar dos seus atos.


Ser mulher...
É caminhar na dúvida cheia de certezas.
É correr atrás das nuvens num dia de sol.
É alcançar o sol num dia de chuva.


Ser mulher...
É chorar de alegria e muitas vezes
sorrir com tristeza.
É acreditar quando ninguém mais acredita.
É cancelar sonhos em prol de terceiros.
É esperar quando ninguém mais espera.


Ser mulher...
É identificar um sorriso triste e uma lágrima falsa.
É ser enganada, e sempre dar mais uma chance.
É cair no fundo do poço, e emergir sem ajuda.


Ser mulher...
É estar em mil lugares de uma só vez.
É fazer mil papeis ao mesmo tempo.
É ser forte e fingir que é frágil...
Pra ter um carinho.


Ser mulher...
É se perder em palavras e
depois perceber que se encontrou nelas.
É distribuir emoções
que nem sempre são captadas.


Ser mulher...
É comprar, emprestar, alugar,
vender sentimentos, mas jamais dever.
É construir castelos na areia,
ve-los desmoronados pelas águas.
E ainda assim amá-los.


Ser mulher...
É saber dar o perdão...
É tentar recuperar o irrecuperável.
É entender o que ninguém mais conseguiu desvendar.


Ser mulher...
É estender a mão a quem ainda não pediu.
É doar o que ainda não foi solicitado.


Ser mulher...
É não ter vergonha de chorar por amor.
É saber a hora certa do fim.
É esperar sempre por um recomeço.


Ser mulher...
É ter a arrogância de viver
apesar dos dissabores,
das desilusões, das traições e
das decepções.


Ser mulher...
É ser mãe dos seus filhos...
Dos filhos de outros.
É amá-los igualmente.


Ser mulher...
É ter confiança no amanhã e
aceitação pelo ontem.
É desbravar caminhos difíceis
em instantes inoportunos.
E fincar a bandeira da conquista.


Ser mulher...
É entender as fases da lua
por ter suas próprias fases.




Entao vamos começar:

1- esfoliacao do corpo, nao vou indicar aqui nelhum produto para isso, vamos fazer nós mesmas. ostumo fazer essa misturinha no banheiro mesmo, pego um xicara dessas grandes e coloco bastante açucar mascavo, se não tiver pode ser o que tem em casa mesmo rs, e logo em seguida coloco o sabonete liquido preferido, misturando bem, passo no corpo todo em movimentos circulares, garanto que dá um resultado incrivel, fora o perfume hummm.

2- descoloracao dos pelinhos, para este item o melhor a fazer é usar luvas para proteger as maos. Uso descolorante profissional, pode ser estes encontrados em perfumaria em pó, antes de aplica-lo é necessario passar em todo o corpo vaselina solida, dessa forma vc nem irá sentir o descolorante, em seguida dilua o descolorante na agua oxigenada 30 ou 40 depende do que vc goste, como eu gosto quase branco uso 40, dilua conforme instruicoes da embalagem, passe no corpo com a ajuda de uma pincel, mais grosso é claro. Deixe agir nos pelos verificando o tom desejado.
Retire com água morna.

3- hidratacao, agora que vc já esta com a pele lisinha e os pelinhos dourados aiai, vamos hidratar a pele e o cabelo é claro, começanco com o cabelo: no mercado existe enumeros cremes que são recomendados, os cremes novex, costumam dar bom resultado. Mas use o de preferencia. Deixe agir por uns 20 minutos mesmo em baixo do chuveiro, ou se tiver tempo, coloque a touca termica para potencializar o creme, após o tempo de espera lave o cabelo abundantemente, terminou tudo? o cabelo e o corpo? a parte final é você pegar um pouco de mel e passar em todo o corpo, acredite vc vai sentir diferença.

4- seque os cabelos como de costume.

5-vista uma linda roupa ou langerie rs, coloque seu melhor perfume, e tanam, esta linda e preparada.

6- se depois de udo isso seu marido, namorado ou seja lá que nome vc dê nao perceber nada a dica é TROQUE-O, rsrsrss